quinta-feira, 22 de outubro de 2015

O tempo passou

Os dias ainda vão e um enorme vazio ainda ficou nada e como antes hoje talvez eu entenda onde errei mas também sei que nada e para sempre nem o amor nem a vida nas ainda dói ainda sinto sei que existem inúmeros corações por aí mas o meu ainda está lá guardado para ti não sei bem até onde isso vai eu juro to tentando seguir mas não está nada fácil fazer isso pois o amanhã nunca chega e acredite nada mudou ainda sua ausência seu desprezo machuca quem sabe o tempo cure quem sabe nunca cure mas eu vou seguindo dia após dia semana após semana tentando esquecer algo que acho que vou levar comigo pró resto da vida bombom VC foi sim o primeiro e único pretinho na minha vida ...saudades